quinta-feira, 24 de março de 2011

#Renovável - Sistema q dessaliniza Água com Energia Eólica

Fonte: Agência USP de Notícias \ Inovação Tecnológica
Imagem: Ambiente Energia Imagem 1 \ Agência USP de Notícias Imagem 2

Olá! Hoje, eu venho a falar com vocês sobre a dessalinização de águas, processo nada barato para se realizar, mas, uma alternativa para obtermos água de qualidade, ou seja, potável.

Neste dia 22, tivemos o Dia Mundial da Água. Porém, não é um dia para se comemorar e sim, pensar. Não são todos que têm acesso à água de qualidade. Somos muito privilegiados.
Pra se ter uma ideia, mais de 97% da água que temos, são dos oceanos e mares, imprópria para consumo.



E pensando numa forma mais barata de se obter água potável, um engenheiro caboverdiano chamado Juvenal Rocha Dias aliou energia renovável a uma técnica feita baseada nas necessidades do seu país de origem.

Dias disse, que está na hora de países menos desenvolvidos pensarem numa forma menos custosa de obter água, contando que a técnica comum de dessalinização utiliza a queima de combustível fóssil, como o Diesel.

COMO FUNCIONA?

O sistema, batizado de 'Coluna de Dessalinização', funciona basicamente como um filtro, utilizando energia eólica [cataventos\turbinas eólicas] e energia potencial gravitacional.

Dias, que fez os cálculos e medições p/ o trabalho nas suas pesquisas d mestrado e doutorado na Politécnica da USP explica que o processo começa com o bombardeamento de água salgada para a parte superior de uma coluna em formato cilíndrico, onde tem um reservatório. O peso desta água impulsiona um êmbolo, que pressiona o ar contido em uma câmara inferior do sistema. O ar, exerce exerce força sobre outro reservátorio, onde a água contida é pressionada e passa por uma espécie de membrana, que é o filtro. O filtro compõe o método conhecido como Osmose Reversa.

O consumo de energia é de 2,8 kWh/m³, bem abaixo dos 10 kWh/m³, utilizado nos sistemas convencionais de dessalinização.

Como o projeto apresenta algumas limitações [depende da condição dos ventos], foi sugerida a chamada Bomba Clark, que reaproveita a energia perdida durante o processo.

É isso,
Flws e T+!

Nenhum comentário:

Postar um comentário